Mercado de eventos no Brasil não para de crescer.

Um mercado amadurecido e em constante ascensão. É o que comprova a pesquisa sobre os eventos no Brasil, realizada pela Data Popular.

Só as festas, cerimônias, casamentos, bailes universitários e de debutantes mobilizaram um montante que girou em torno de 16 bilhões de reais no ano passado. Unidos a festivais, palestras, workshops, aniversários, feiras, shows e exposições, os eventos movimentam cerca de 4,3% do PIB brasileiro.

Os casamentos.

Os eventos em em torno do tão esperado “sim” dos noivos são bastante abrangentes. Tanto no casamento civil, quanto no religioso e no formal, são investidos bilhões a cada ano em todo país.

Entre festas e cerimonias, a Região Sudeste gastou 8,6 bilhões no último ano. Atrás dela, Nordeste com 3 bilhões, Sul com 2,9 bilhões e Centro-Oeste e Norte com cerca de 1 bilhão cada, de acordo com o Data Popular.

O IBGE consta que os maiores potenciais de casamentos são as faixas que variam dos 20 aos 39 anos, onde ocorrem 75% do total de matrimônios.

Debutantes e universitários.

Um mercado potencial é o de debutantes. Todo ano, 2 milhões de meninas completam 15 anos. Levando em conta que uma boa parte delas irá debutar, torna-se interessante para os profissionais de eventos ficarem de olho nesse segmento.

Outra fatia do mercado de eventos em ascensão é o de festas de formatura. Isso graças aos números do ensino superior brasileiro que crescem gradualmente. Em 2012, 3,8 milhões cursavam graduação, hoje, o número chega na casa dos 7 milhões.

Organizadores sabem das diversas demandas que os eventos proporcionam. Estar sempre atento e protegido contra fatores externos são receitas para o sucesso de um evento. Com mais de 60 ano de mercado, a Argo Seguros, empresa responsável por Protector, tem a experiência e solidez que seu evento precisa. Conheça o Seguro de Responsabilidade Civil Geral Protector Eventos.